quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Papa Francisco: "Nenhuma Guerra é Justa. Só a Paz é Justa"


Ao dizer que não existe guerra justa, o Papa simplesmente pregou a eliminação de qualquer forma de polícia ou exército. Cristo, quando esteve entre nós, disse que ninguém tinha mais fé nele do que um centurião do exército romano. Não há nenhuma palavra de Cristo ou em toda a Bíblia condenando exércitos. 

A Teoria da Guerra Justa, como eu explico no meu livro, é a teoria mais consolidada, constante e imutável da história da Igreja, desde Santo Agostinho, passando por São Tomás de Aquino, São Francisco de Assis, Santa Joana D'arc, canonistas e papas. É uma teoria que não há nenhuma alteração significante desde que Santo Agostinho tratou do tema em diversos livros e cartas.

Mais um vez, o Papa Francisco age de forma irresponsável, dizendo palavras que desprezam santos e mártires da Igreja.

É incrível e ao mesmo tempo,infelizmente, muito grosseiro intelectualmente.

Os santos também trataram do que ele chamou de "paz justa". Bom, em poucas palavras, eles disseram que isso só é encontrado no Paraíso. Não é possível paz justa na Terra. Aqui, no máximo, nós temos a justiça junto com a caridade, uma boa definição de guerra justa.

No meu livro, eu trato das opiniões do Papa Francisco. E acreditem em mim, durante esse breve e confuso pontificado, ele já defendeu a adoção da guerra, sendo sempre de forma confusa e desinformada sem que se possa levar muito a sério a opinião dele, infelizmente.

No meu livro, além de santos, mártires,  e papas, trago até a defesa da guerra justa feita por Cervantes e Dante. Vejam lá,, está disponível em basicamente todos os sites de livrarias como a Saraiva, a Cultura e a Amazon.


6 comentários:

Isac disse...

O papa Francisco deveria fazer uma referencia a regimes comunistas com seus colectivos, também, não é, como guerra injusta contra um povo que enganam até com um pseudo desarmamento "para combaterem os crimes", facilitando-lhes depois o dominarem com o mínimo de reação!
No entanto, quem acolhe a apoia uns terroristas como João P Stédile e uns Juán Grabois da vida e seus cupinchas, que esperar...

RICARDO LIMA disse...

O Papa Francisco continua sendo (infelizmente), um péssimo Papa.

Castigo para nós. :(

Marco de Oliveira disse...

Pedro, apesar de você saber muito sobre a Teoria da Guerra Justa, recomendo a leitura:
https://www.tercalivre.com.br/sobre-a-doutrina

Abraço

Pedro Erik disse...

Obrigado, meu caro.
Vou ler sim.

Abraço,
Pedro

Anônimo disse...

É preciso ter a cabeça muito ruim para discordar de uma afirmação que nenhuma guerra é justa. Matar um semelhante que nem conhecemos não é justo de forma nenhuma. Não importa se Cristo ou qualquer papa ou santo não tenha falado isto. Qualquer pessoa com um pensamento livre pode entender isto. Qualquer um que não esteja seguindo a propaganda belecista dos países mais poderosos em armamento pode entender isto. Creio que a maioria da humanidade pode entender, mesmo com toda propaganda belecista.

Pedro Erik disse...

Jesus Cristo que disse que um soldado de Roma tinha a maior fé de Israel e que agrediu com um chicote os mercadores do templo, Santo Agostinho, São Tomás de Aquino, São Francisco de Assis, Santa Joana D'arc tinham cabeça ruim?

A guerra pode ser caridade.

Cabeça ruim é deixar o mal prosperar.

Deve ter cabeça ruim quem mata um ladrão que invade sua casa?

Deviam ter cabeça ruim quem lutou contra Hitler e Stalin?.

As pessoas para ter pensamento livre precisam de soldados para protege-las.

Atenciosamente,
Pedro Erik